“É só ter paciência e perseverança que dá certo” – Cleiton Tonello, Alfartano

Planejamento, esforço e estudo. Vocês, concurseiros, já devem estar familiarizados com essas palavras e sabem o quanto elas são importantes para o caminho até a aprovação, não é mesmo?

O Cleiton Tonello, que é alfartano, conhece bem o significado de cada uma delas. Prova disso, é que no projeto #esefosseverdade, ele já mostrou que não estava para brincadeira. Com a rotina organizada que tem, ficou com a terceira colocação.

Esse resultado não foi nada simples de conquistar, foi preciso muita dedicação. Com comprometimento, Cleiton mergulhou nos estudos: “acordo as 7h e 7:30h já estou estudando. Nas duas primeiras horas de estudo, reviso as matérias básicas e aí, depois, das 10h às 12h eu coloco Direito para manutenção e à tarde, estudo Contabilidade e Informática por causa do edital da PF. Para relaxar um pouco, no meio da tarde vou para academia”, conta o alfartano.

Relaxar não é o principal objetivo dessa ida à academia, afinal, atividade física é essencial, já que o Cleiton se prepara também para encarar o TAF (Teste de Aptidão Física). “Não adianta passar na prova escrita se for para cair no teste físico”, complementa.

O esforço do concurseiro já rendeu várias aprovações, apesar disso, ele não desistiu do sonho de integrar a Polícia Federal.

Posso apostar que você se identificou, ao menos, um pouco com a história do Cleiton. Quer conhece-la um pouco melhor? Confira na íntegra o vídeo feito com este concurseiro:

Ana Scheffer

Compartilhe esta notícia!